terça-feira, 11 de janeiro de 2011

tenho saudades, mas não passam de preciosas recordações

tenho saudades de me levantar cedo e ver o jardim da celeste. tenho saudades de fazer birras a toda a hora. tenho saudades de ficar com um bolo alimentar gigante na boca e não o engolir. tenho saudades que a minha mãe me leia a rua sésamo. tenho saudades de poder dizer e fazer tudo aquilo que me apetece. tenho saudades de dizer "mãe, posso dormir na cama?". tenho saudades que a minha mãe me vista. tenho saudades de fazer ginástica com o meu pai. tenho saudades de jogar aos pais e às mães e às escondidas. tenho saudades das barbies. tenho saudades de ir aos torneios de natação. tenho saudades de ser a piriri. tenho saudades de vestir o 28 e de calçar o 32. tenho saudades de ir almoçar à casa dela sem avisar ninguém. tenho saudades de escrever no diário. tenho saudades de cantar "o dentinho". tenho saudades dos manta azul. tenho saudades de quando éramos todos unidos. tenho saudades do 6º D. tenho saudades das aulas de ciências e das aulas de evt. tenho saudades de dizer "vou dizer à minha mãe!" com um ar ameaçador. tenho saudades de ouvir repostas "e eu vou dizer ao meu pai!!". tenho saudades de perguntar "o que é um preservativo?". tenho saudades das aulas de guitarra. tenho saudades de acreditar que tudo era perfeito. tenho saudades de gritar "oh mããããe, a marta bateu-me!". tenho saudades de esmurrar os joelhos e de pôr betadine. tenho saudades de odiar o supositório. tenho saudades de andar às voltas da mesa a fugir do chinelo. tenho saudades de ser a mais pequena da turma. tenho saudades de de ir à catequese e de gozar com aquelas pessoas. tenho saudades do primeiro amor. tenho saudades do primeiro beijo. tenho saudades de desenhas uma casa, um sol com olhos e o boca, uma árvore e uma borboleta. tenho saudades dos treinos de basquetebol. tenho saudades da noite em que o fcp foi campeão europeu. tenho saudades de quando me chamavam formiguinha e de ficar passada com isso. tenho saudades de angariar dinheiro pra viagem a lisboa. tenho saudades de jogar à bola no terraço da mã. tenho saudades de convidar toda a gente pra minha casa sem pedir permissão. tenho saudades de ver o macaco adriano no big show sic. tenho saudades de bufar como uma gata e a minha mãe me chamar gata assanhada. tenho saudades do pésse que, diz que, pésse que, diz que. tenho saudades de amar amarelo. tenho saudades do rebleco ou do gato. tenho saudades de ver a rita e o tó à porrada. tenho saudades das minhas calças dos brilhantes. tenho saudades da minhas sapatilhas das cores. tenho saudades de dormir com 30 peluches. tenho saudades de falar com o teddy. tenho saudades de ter excelente a tudo. tenho saudades da minha primeira negativa (fraco a múscia, 6º ano). tenho saudades de professor x. tenho saudades de ter net ilimitada. tenho saudades de cantar o pau ao gato. tenho saudades dos teatros da primária. 
estava aqui toda a vida para apenas dizer isto:
tenho saudades de ser criança! 

8 comentários:

Catarina disse...

ao ler o post fez-me recordar toda a nossa infância e parte da adolescência.. os manta azul ;) como eu digo a nossa turma sempre teve potencial para formar uma banda :D a nossa viagem no 6º ano, fogo. que bons tempos :)

InêsBolacha disse...

ya mesmo. todos unidos. e cenas de criança. muita saudade. fuck.

Catarina disse...

mesmo muitas. que nostalgia!

Caridee disse...

como nós fomos e continuamos a ser grandes...
os manta azul, o tó nos cactos (oh bons tempos, agora chegou a minha altura da catarina me atirar ao chão a torto e a direito), as aulas de guitarra (lembras-te de como gozava comigo e com o raio do telemovel?) de quando não chegava uma mesa das grandes na cantina porque queriamos estar sempre todos juntos.
Eramos todos tão unidos, tão únicos, tão fantásticos que até parecia mágico. Mas essas criancinhas irrequietas cresceram, e mudaram, e aqui estamos nós, não como eramos antes, mas pelo menos falamo-nos :D o que nem sempre aconteceu

Catarina disse...

verdade Rita, mas as saudades continuam, querendo ou nao, todos nos vamos estar sempre na vida uns dos outros, porque j+a vivemos muitas coisas juntos :)

p.s.: rita ja sou seguidora, faltas tu xD

InêsBolacha disse...

concordo caridee. saudades desses tempos. mas ainda hoje, no jogo, olhei pra nossa turma e vi essas crianças unidas de antigamente! todos a gritar uns pelos outros, uma turma de facto unida! e sim catarina, aconteça o que acontecer, todos iremos faer parte da vida uns dos outros porque ja passamos pessimos momentos, mas momentos inesqueciveis tb! :)

FO ( um nome enorme) disse...

ou seja o que estão a querer dizer é que não me vou conseguir livrar de vosses?? Vamos a um suponhamos, alians, lavagem cerebral, tinoninoni.....

Catarina disse...

nao Fo, querias ou nao, nunca te vais livrar de nos ahahah