domingo, 6 de fevereiro de 2011

don't ask me "whhhyyy?"


just give me the time that i need to find the balance. it's not with you. it's just with myself. it's complicated when i am far, thinking in all possibilities and freaking my brain! pelase, don't ask me "why?" or don't say "i love you!". all your words, good or bad, won't change anything. you don't need to prove anything, i believe in you (hope so). 
like i said before, the troble is with myself. so, just leave me breath.
i love you too.

9 comentários:

Catarina disse...

isto foi um texto que te apeteceu, ou é mesmo?

inêsbolacha disse...

...

Catarina disse...

já dizias, mas ok!

inêsbolacha disse...

achas que me apetece fazer textos destes? -.-

Catarina disse...

sei la. Mas entao,depois tens de me contar

inêsbolacha disse...

não há nada pra contar porque eu não sei contar porque eu não sei o que se passa! é comigo, só eu posso mudar.

Rob disse...

inês, já sabes que conselhos não é comigo, mas não me custa nada dizer que não é tão mau como parece, que tens amigos que te apoiam para tudo o que precisares, nem que seja para dar uns berros e dizer o quanto a vida te consegue aborrecer ou enervar, seja para o que for, podes contar connosco!!!
bem, a parte dos berros não sei se podes contar com todos, há pessoas que têm ouvidos sensíveis, mas pelo menos podes contar comigo....
lol

Catarina disse...

exactamente robert :)

inêsbolacha disse...

é bom saber disso!
p.s.: adoro os teus abraços :b