quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

A ironia, a ironia...

Por vezes tenho medo que, quando vocês lêem os meus posts não reparem na ironia que ele contém. 
Quem me conhece sabe bem que sou normalmente um pouco irónica. Mas atenção! A minha ironia não chega a sarcasmo, consigo controlá-la em situações/assuntos sérios. É uma ironia no sentido de dar gozo (no bom sentido) àqueles que me rodeiam e de tornar o meu dia-a-dia mais divertido, se bem que já o faço involuntariamente em determinadas situações. Sendo assim, também neste blog há muita ironia e, mesmo que às vezes não seja muito evidente, a grande maioria dos meus posts são irónicos.
Isto a propósito deste post. Como é evidente, todo ele é ironia (sim, porque ele é enorme) e, por essa razão, tive um comentário de alguém (do blogger L.O.L.) que disse "Cogumelo venenoso!". Este comentário fez-me perceber que as intituladas reacções pela Blogger que tenho no meu blog possam ter duas interpretações. O meu objectivo com as reacções é: se acham o post fixe e se gostaram dele, "cogumelo delicioso"; se o acham só assim-assim, "cogumelo normal"; se não gostam do post ou do assunto que nele é abordado, "cogumelo venenoso". Mas não foi isto que entendi do tal comentário. Pelo que entendi, o L.O.L. clicou no cogumelo venenoso porque o post em questão era super irónico e, lá está,  cheio de veneno, e não porque não gostou do dito cujo ou do assunto nele abordado. E atenção que não levei a mal! Aliás, achei até engraçada e curiosa esta interpretação e as interpretações que realmente as tais reacções podem ter.
Sendo assim, aqui fica a sugestão: quando virem que um post é todo ele irónico, sigam a interpretação do L.O.L e cliquem no cogumelo venenoso para que eu possa perceber se vocês perceberam a minha ironia. Caso contrário, façam aquilo que eu defini em cima como objectivo das reacções. Assim iremos evitar mal entendidos como o que criei há 10min atrás com o post anterior a este, quando o meu boy se vira para mim e diz "Olha que eu não te vou escrever nada..."

1 comentário:

L.O.L. disse...

Foi exactamente esse sentido irónico que me fez clicar no cogumelo venenoso. Gostei muito deste post=)