sábado, 16 de junho de 2012

Desesperante!

Considero que interpretar poesia é um dom, com o qual eu não nasci, infelizmente.
Só peço que não saia poesia na interpretação do exame, é o que eu mais peço! É que se sair não estou a ver a coisa a correr bem para o meu lado.

Sem comentários: