segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

É hora de fazer o balanço

2012. Talvez o ano que mais influência teve na minha vida, a muitos níveis.
Começando pelo início, Janeiro foi logo o mês em que fiz 18 anos. E como toda a gente sabe, a marca dos 18 é sempre aquela cena. Passando um bocado à frente, chega Abril com a tão esperada viagem de finalistas. Aquilo que andamos a preparar todo o ano superou qualquer expectativa criada. Nós fomos a Lloret de Mar e somos mais uns milhares a dizer que melhor que aquilo, não pode haver!
A partir daqui foi tempo de começar a pensar na faculdade, pois em Maio chegavam os pré-requisitos. Na primeira semana lá vou eu para o Porto fazer as provas e esperar até Agosto para saber os resultados. E por falar em Agosto... Como sempre, o melhor mês de sempre. É o verão no seu estado mais puro! Cheira a festa por todos os lados, as noites são abrasadoras, há movimento, música e animação em Alijó. Há noite, a festa é sempre garantida, aqui ou ali. Custa vê-lo passar tão rápido. Mas este ano nem custou assim tanto, porque ansiava mais que nunca o Setembro. E este mês sim, foi o início de uma grande mudança na minha vida. Na segunda semana saíam os resultados da faculdade e, uma vez que os exames foram uma merda, estava com muito medo de não entrar no Porto. Algo que, felizmente, não aconteceu! Um sonho tornado realidade, estudar na FCDEF. E pronto, foi a partir daqui que o meu ano se tornou no mais freak de sempre. Praxe, festas, jantares, aventuras e, claro, em Outubro, a minha candidatura aos Flyers Desportus, que tanto tem influenciado a minha vida, e por isso tanto a estimo. Estava, oficialmente, a viver a verdadeira faculdade.
Acabada (ou pelo menos pausada) a vida loca, é hora de vir para casa, de férias, descansar muito e começar a pensar a estudar, que ando na faculdade, não só para me divertir, mas para me licenciar naquilo que gosto, e com uma boa média. Mas só depois do Natal, que o tempo pré-Natal é muito frenético e não há condições para um estudo de jeito. Hoje, passagem-de-ano. Vai ser muito diferente dos outros anos e, infelizmente, não pelos melhores motivos. Mas são escolhas. Que seja em grande para todos vocês!
Por fim, espero que 2013 sejam o vosso ano. Eu anseio muito por ele. Adivinho grandes acontecimentos, grandes mudanças, grandes reviravoltas. Um ano cheio de emoção e aventuras, mas também de algum sofrimento que me vai dar muitas lições de vida. 
Sejam felizes!*


4 comentários:

Petite blonde disse...

Um ano muito feliz!
Um beijo.

Mariana Moreira disse...

Bom Ano, beijinho x

Menina do Mar disse...

Um ano cheio de coisas boas para ti :)

Roger disse...

Também fui a Lloret há uns aninhos e adorei. Tenho pena de não ter aproveitado a 100% porque estava numa fase menos boa da vida, mas ainda assim adorei :)